Estratégia de investimento para 2021.

A internet está cheia de estratégias de investimento: análise técnica, análise gráfica, Buy and Hold, análise quantitativa, Value Investing, Day Trade… Nossa, são muitas! Para completar, desde 2015, uma enxurrada de canais do Youtube e de perfis no Instagram com gurus dos investimentos começaram a pipocar em nossas vidas. São os chamados “filhos da alta”, alusão à expressão “filhos do carnaval”.

No início da minha caminhada, comecei como a grande maioria, investindo em previdência privada, fundos de ações de grandes bancos, até me arrisquei em gráficos achando que o retorno seria exponencial e que me deixaria rico em poucos anos, mas me encontrei mesmo na análise fundamentalista, mais precisamente no Buy and Hold.

A análise fundamentalista faz com que eu não gire a carteira aos montes, na verdade, faço pouquíssima movimentações. Normalmente abro o Home Broker uma vez no mês. É isso mesmo! Uma vez ao mês! Mas, como esperado em todo planejamento para uma vida FIRE, tivemos alguns momentos de mudanças em nossa estratégia, os quais destaco a seguir com o intuito de chegar na apresentação do que estamos pensando para o ano de 2021.

De 2010 a 2020, tivemos três grandes pontos de inflexão na nossa estratégia de investimento.

O primeiro foi em 2014, quando aprendi que títulos públicos não eram renda fixa e que poderia ganhar com a marcação a mercado. Neste período, comecei a trocar minhas posições de bolsa, não zerando, somente diminuindo, por títulos prefixados e pós-fixado IPCA.

O segundo ponto foi quando a Selic começou a descer muito rápido, chegando a 6% em meados de 2019. Nesse período, comecei a fazer o movimento contrário, alguns irão dizer que foi cedo de mais… Mas quem iria adivinhar que chegaríamos a 2% em 2020? Não posso negar que mesmo assim o lucro foi muito bom!

O terceiro ponto também ocorreu em 2019, quando descobri que eu não precisava ficar preso aos investimentos aqui no Brasil. Posso dizer que graças ao site/blog viverdedividendos.org comecei a entender melhor como investir no exterior e tomei coragem para abrir minha primeira conta em corretora americana, o que ampliou meus horizontes de investimentos. Uma parte significativa dos títulos públicos que eu estava vendendo à época foram para a Terra do Tio Sam.

Em 2020, com a crise do Covid-19, a impressão desenfreada de moeda no mundo inteiro, a crise política brasileira, o dólar nas alturas, uma análise do nosso patrimônio sinalizou uma subida vertiginosa em moeda nacional, porém, em dólar, estávamos andando de lado, até mesmo beirando o negativo. Repensar a estratégia de investimento foi preciso.

Agora que chegamos a um patrimônio considerável (no nosso ponto de vista, ok?), confesso que estou com medo dos próximos verões. Começamos a investir em 2010, excluindo a “crise do Covid-19”, nunca vivenciamos uma grande crise. No máximo pegamos a bolsa de lado até 2016 e alguns circuit breakers. A crise do Covid está muito estranha, as medidas econômicas tomadas (taxa de juros baixa, impressão de moeda, aumento das dívidas nacionais, entre outras), a meu ver, irão explodir ali na frente. Estamos presenciando um momento de preparação para uma alta inflacionária mundial, dinheiro barato aos montes, altas absurdas sem fundamento, otimismo exacerbado, o que me deixa com o pé atrás.

Buscando melhores assimetrias de risco/retorno e maior convexidade, com o intuito de preservar o patrimônio, decidimos mudar nossa estratégia, aproveitando que estamos na fase de acumulação, ou seja, não precisamos ainda dos proventos para gastos. Decidimos enviar todo o nosso capital para investimentos no exterior. Com isso, estamos vendendo aos poucos, por questões de imposto de renda, todas as nossas posições no Brasil e algumas no exterior. Boa parte da carteira está virando caixa em dólar, ou até mesmo títulos americanos, outra parte está sendo alocada em ETF’s de ações, ouro, prata, entre outros, além da continuação da nossa posição em criptomoedas.

Pretendo colocar nossos resultados mensais aqui no Blog para termos um registro. E vocês, quais são as suas estratégias para a tão sonhada Independência Financeira?

“Stay Hungry, Stay Foolish” – Steve Jobs

Sr. D.

4 comentários em “Estratégia de investimento para 2021.

  1. Confesso que fiquei com inveja do seu ponto de inflexão em 2014. Apesar de saber o funcionamento do TD, nunca havia imaginado usar a marcação à mercado como estratégia e, quando caí na real, era tarde demais, pois não havia nada investido em TD quando a Selic parou de subir e começou a cair.
    Aguardo a carteira pra ver se aprendo mais!
    Abraço

    Curtir

    1. Pois é, na época eu aplicava em TD como renda fixa, esperando resgatar no vencimento mesmo, lembro que enchemos o carrinho de IPCA 2035. Depois que fui estudar a marcação à mercado e vi que poderia antecipar bastante a venda e diminuir o risco de ficar com o dinheiro empatado no investimento.
      Forte Abraço.

      Curtir

  2. Eita meu querido, parabéns pela análise de vida, inflexões e decisões, poucas pessoas param pra olhar pra trás e aprender com erros e acertos. Parabéns pela coragem tb de fazer esse movimento, não é fácil decidir pegar 1 milhão de reais e mandar tudo pra fora, decisão forte e te parabenizo por isso.
    Agora é nos posicionarmos da melhor forma que vemos pro futuro e ir desfrutando o caminho.

    Em qnt tempo vocês pretendem chegar na IF?

    Curtir

    1. Olá TR.
      Realmente não foi uma decisão fácil, mas é o que achamos mais coerente para nossos objetivos.
      Temos valores na cabeça, mas prazo ainda não temos muito certo. Acredito que não será em menos de 10 anos kkk.
      Forte Abraço.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: